Notícias

  • Ratinho Junior convoca sessão extraordinária para ampliar militarização do ensino

    Ratinho Junior convoca sessão extraordinária para ampliar militarização do ensino
    Fomos surpreendidos com um pedido de convocação extraordinária do Governo do Paraná para realizar sessões a partir desta segunda-feira, 11. Obcecado em criar escolas militares em cada ponto do Estado, Ratinho Junior (PSD) mandou projeto de lei para a Assembleia Legislativa para ampliar o programa das escolas cívico-militares, aprovado no ano passado. Haverá casos em que uma cidade só terá a opção da escola militar. Um absurdo e um desrespeito à população de um governador bolsonarista, sem nenhum compromisso com a educação pública.

    A mensagem permite que sejam militarizadas escolas em municípios com menos de dez mil habitantes, o que era proibido pela lei atual. Com isso, o governador aumenta o alcance do seu programa que combatemos desde o início.

    Ratinho Junior também autoriza que militares com menos de dez anos de trabalho passem a atuar nas escolas militarizadas.

    A mensagem prevê ainda que, depois de selecionadas para o programa, as escolas não poderão mais ofertar ensino integral, ensino técnico, noturno ou ser Ceebja. A lei votada no ano passada impedia a conversão em militar das escolas que ofereciam ensino noturno. 

    Clique para ver a mensagem: