Notícias

  • Água no Brasil tem cinco mil vezes mais produto cancerígeno que nos países europeus

    Água no Brasil tem cinco mil vezes mais produto cancerígeno que nos países europeus

    Proibida nos países da União Europeia desde 2009, a pulverização aérea de agrotóxicos foi tema do pronunciamento nesta terça-feira, 27, do deputado estadual Tadeu Veneri (PT), autor do projeto 2/2018, que proíbe o uso de aviões para o lançamento destes produtos em plantações. Veneri mostrou dados de estudos científicos sobre as consequências danosas da aplicação de agrotóxicos sobre a saúde da população e o meio ambiente.

    Durante a sessão, Veneri apresentou comparativos sobre as leis internacionais sobre o controle de agrotóxicos e a a frouxidão das regras sobre o uso desses produtos no Brasil. “Na água consumida do Brasil, temos cinco mil vezes mais glifosato do que nos países europeus. Por que o cidadão brasileiro e paranaense é tratado de forma diferente do que o cidadão europeu?” , questionou o deputado.

    Os riscos dos agrotóxicos nas cidades e nos aglomerados urbanos também foram debatidos em audiência pública realizada pela manhã, no plenarinho da Assembleia Legislativa, organizada pela Comissão de Meio Ambiente da Assembleia Legislativa.

    Durante a audiência pública, Veneri destacou a necessidade de a população ser conscientizada sobre a condição dos alimentos que consome e como o meio ambiente vem sendo agredido pelo modelo de agricultura praticado no país.