Notícias

  • Deputados visitam Penitenciária de Cascavel após denúncias de tortura contra presos

    Deputados visitam Penitenciária de Cascavel após denúncias de tortura contra presos

    O presidente da Comissão de Direitos Humanos e Cidadania da Assembleia Legislativa, deputado Tadeu Veneri (PT), os deputados Evandro Araújo (PSC), Marcio Pacheco (Pátria Livre) e José Lemos (PT) integram uma comitiva da Assembleia Legislativa, que irá fazer uma visita de inspeção à Penitenciária Estadual de Cascavel na próxima segunda-feira, 11, a partir das oito horas. Os deputados atendem a um pedido das Pastorais Carcerária e do Menor, da Arquidiocese de Cascavel, que denunciaram à Comissão a prática de tortura e violação de direitos de presos e familiares.

    Conforme documento encaminhado pelas Pastorais à Comissão de Direitos Humanos, os presos estão sendo mantidos em condições precárias, expostos a chuva e frio, com alimentação e higiene insuficientes e falta de atendimento médico. As famílias relataram às Pastorais que têm dificuldades de acesso às informações sobre os detentos, assim como os advogados estariam sendo impedidos de entrar na penitenciária.

    O presídio teve 70% da estrutura destruída durante uma rebelião em 2014. Desde então, por decisão do governo do Estado, os cerca de oitocentos presos permanecem na unidade. “Nós vamos verificar a situação e produzir um relatório com as nossas constatações que irão orientar as providências que adotaremos”, explicou Veneri.

    Além dos deputados, integrarão a comitiva os representantes das Pastorais, e o presidente da Comissão de Direitos Humanos da seção da OAB de Cascavel, Marcelo Navarro de Moraes.

    Mais informações com o assessor da Comissão de Direitos Humanos, Luis de Oliveira Rosa, pelo telefone 41.9964.8088