Notícias

  • Veneri classifica como "prudente" suspensão de nova reintegração de posse em Pinhão

    Veneri classifica como "prudente" suspensão de nova reintegração de posse em Pinhão

    O deputado Tadeu Veneri considerou “prudente” a decisão do juiz Gabriel Leão de Oliveira, que acatou o pedido do Ministério Público Estadual e suspendeu a reintegração de posse da Fazenda Reta, conhecida como Reta do Zattar, que estava programada para quinta-feira (7, na comunidade do Bugio. “Seria uma insanidade manter essa operação diante do desastre que ocorreu na sexta-feira no despejo das famílias da comunidade Alecrim”, comentou Veneri.

    O juiz estabeleceu prazo de 10 dias para manifestação do Incra (Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária), Assessoria Especial de Assuntos Fundiários, do Governo do Estado, e Secretaria de Assistência Social de Pinhão. Veneri também citou a necessidade de a Justiça permitir o retorno das famílias da comunidade Alecrim para retirar os pertences que sobraram após a demolição de suas casas na sexta-feira.

    Na operação, foram usados tratores que colocaram abaixo não apenas as casas, mas também a igreja, o posto de saúde e a escola da comunidade que estava numa área reivindicada pela indústria madereira Zattar. "A lei não poder ignorar a função social da terra. Esta empresa ainda tem muito o que explicar sobre dívidas com os cofres públicos e nós sabemos que a função social da terra não é cumprida pela Zattar", comentou Veneri.