Notícias

  • AL aprova moção de apoio à Unila contra extinção

    AL aprova moção de apoio à Unila contra extinção

    A Assembleia Legislativa aprovou nesta segunda-feira, 7, moção de apoio àUniversidade Federal da Integração Latino-Americana (Unila), proposta pelodeputado Tadeu Veneri (PT).Aberta a estudantes de dezessete países, com cerca de quatro mil estudantes, sendo 3.575 nos cursos de graduação e 314 na pós-graduação, a Unila está sendo ameaçada de extinção por uma proposta de autoria do deputado federal paranaense Sérgio Souza (PMDB). Ele apresentou a emenda aditiva nº 55 à Medida Provisória 785/2017, que trata do fundo de financiamento estudantil (Fies).

    A Unila foi criada em 2010 seguindo o conceito de internacionalização do ensino superior e integração entre os países da América Latina. Os cursos oferecidos foram concebidos para promover o desenvolvimento da região.

    Veja a moção:

    REQUERIMENTO

    Súmula: Requer envio de Moção ao Congresso Nacional, contra a extinção da Universidade Federal da Integração Latino Americana – UNILA.

    Senhor Presidente:

    Os deputados que subscrevem esta, no uso de suas atribuições regimentais, REQUEREM,após ouvido o Soberano Plenário, o envio de Moção ao Congresso Nacional, paramanifestar o nosso apoio irrestrito à Universidade Federal da Integração Latino Americana – UNILA e contra à emenda aditiva nº 55, à Medida Provisória 785/2017 que modifica a Lei 12.189 de 2010, desconfigurando o projeto político-pedagógico e institucional da UNILA.

    A UNILA oferece uma educação gratuita, inclusiva, de qualidade e laica; possibilitando uma integração solidária em sua multiplicidade.

    A comunidade universitária levou para o município de Foz do Iguaçu novas percepções culturais e estímulo à economia local assumindo sua função social e projetos com impacto de 200 milhões por ano. Através das ações de ensino, pesquisas, projetos de extensão e parcerias, a UNILA potencializa a região trinacional entre Argentina, Brasil e Paraguai como polo de integração econômica, social, política e cultural.

    Várias entidades e instituições já se manifestaram favoráveis à manutenção da UNILA nos termos da Lei 12.189/2010, entre elas destacamos a Prefeitura de Foz do Iguaçu, a Associação Comercial e Empresarial de Foz do Iguaçu, a UFPR, entre outros.

    A UNILA é a concretização do Parágrafo Único do art. 4º da Constituição Federal: “A República Federativa do Brasil buscará a integração econômica, política, social e cultural dos povos da América Latina, visando à formação de uma comunidade latino-americana de nações”

    Somos defensores de mais investimentos federais na educação em nosso Estado e do fim da restrição orçamentária na UFPR, para possibilitar a ampliação de vagas e unidades da instituição. Por isso, é necessário e urgente para o pleno desenvolvimento de toda a região Oeste, bem como para todo o Estado do Paraná, manter as unidades já em funcionamento e ampliar os campi para outras regiões.

    Curitiba, 02 de agosto de 2017.

    Tadeu Veneri

    Deputado Estadual